Cu Ri Cu Lo


Glauce Guima é atriz, cantadora de versos, diretora, dramaturga, produtora e fumante. Foi entregadora de compras em domicílio, repositora e caixa de mercado, tricoteira de colcha, pulôver, boina, cachecol, desenhista para escola infantil, bailarina de festival e de igreja, professora particular de matemática, fabricante de relógios de parede, fabricante de brincos, colares e aneis, pintora de panos de prato e de copa, fabricante de bolsas e casacos de retalho, secretária de curso de inglês, boy do curso de inglês, animadora de festa infantil, secretária de agência de publicidade, escultora de gnomos, personalizadora de camisinhas para cerveja, bordadeira ponto cruz e macramê, fabricante de mini pizza, viciada em mahnjong, revendedora de incensos, revendedora de galão de água, malabarista de semáforo, vendedora de revista em quadrinhos, pintora de camisa, professora de artes em escola pública toda-sexta-último-horário, professora de teatro para moradores de rua, dobradora de guardanapos, garçonete de boate, barwoman, hostess, garçonete de café da manhã no parque aos domingos, biblioteconomista, editora de imagens, diagramadora e editora de livros, assistente de produção, assistente de direção, assistente digitadora de escritor impossibilitado de escrever, e atualmente circula por casas particulares e culturais, cafés, bibliotecas, levando as palavras de "O Senhor Brecht", de Gonçalo M Tavares.

 Da esq p dir, em pé: Glauce Guima, Jacques Lacan, Cecile Eluard, Pierre Reverdy, Louis Leiris, Pablo Picasso, Fanie de Campan, Valentine, Simone de Beauvoir e Brassai.
Da esq p dir, sentados: Jean-Paul Sartre, Albert Camus, Michel Leiris e Jean Abier.


FORMAÇÃO
- Curso Superior de Artes Cênicas - UFMG  - Escola de Belas Artes - concluído em 2005

PRÊMIOS

2017 - Melhor Atriz - "BR 716", roteiro e direção de Domingos Oliveira – FESTin - Lisboa. Longa-metragem.

2016 – Melhor atriz coadjuvante – “BR716”, roteiro e direção de Domingos Oliveira – Festival de Gramado. Longa-metragem.

2009 - Melhor atriz - "Descrição da Ilha da Saudade", direção de Alyne Fratari. Curta-metragem. Goiânia – GO

                           
TEATRO/ atriz
2016/2017 – Em circulação - “O Senhor Brecht”, de Gonçalo M. Tavares – projeto “Sala para rapsódias”. São Paulo – SP.
2015 – “El Cuaderno Rosa de Lori Lamby”, monólogo. Adaptação do romance homônimo de Hilda Hilst, tradução de Julia Tomasini, direção de Ana Hadad. Turné portenha - Buenos Aires – Argentina.
2014 – “Festa de Família”, texto de Thomas Vinterberg, direção de Bruce Gomlevsky – Rio de Janeiro – RJ
2013 – “O Cordeiro da Casa” – monólogo, adaptação do romance homônimo de Mora Fuentes, direção de Carla Tausz – Campinas – SP.
2012 – “Otto Lara Rezende ou Bonitinha, mas ordinária”, texto de Nelson Rodrigues, direção de Eduardo Wotzik – Rio de Janeiro – RJ
2012 – “O Homem Travesseiro”, direção de Bruce Gomlevsky, texto de Martin MacDonagh – Rio de Janeiro – RJ Melhor Espetáculo, Melhor Direção e Melhor Ator Coadjuvante 2012 – prêmio APTR.
2011 - “Grito d’alma”, texto de Tennessee Williams, tradução de Francisco Carneiro da Cunha, direção de Diogo Salles – Rio de Janeiro – RJ
2010 - "Do Fundo do Lago Escuro", texto e direção de Domingos Oliveira, Rio de Janeiro - RJ
2007 - "E rebanhos, e cardumes, e..." , monólogo, adaptação do romance de Mora Fuentes, Rio de Janeiro - RJ
2006 - Indicação de melhor atriz "O Caderno Rosa de Lori Lamby", direção de Ana Haddad, adaptação do romance de Hilda Hilst, Rio de Janeiro - RJ
2005 - "Estação Esperança" - direção de Mônica Ribeiro, texto: colaboração coletiva, Belo Horizonte - MG
2005 -  "Cariño Malo", texto de Inés Marguerita Stranger, direção de Gil Esper, Belo Horizonte - MG
2004 - "A Cozinha", texto de Arnold Wesker, direção de Luís Otávio Carvalho, Belo Horizonte - MG
2003 - "Os Sete Gatinhos", texto de Nelson Rodrigues, direção de Luiz Padinha, Belo Horizonte - MG
2003 - "Roda Viva", texto de Chico Buarque, direção de Antonio Hildebrando, Belo Horizonte - MG
2002 - "A Possessa", texto de Hilda Hilst, direção de Juarez Guimarães Dias, Belo Horizonte - MG
2001 – Monólogo "O Caderno Rosa de Lori Lamby", texto de Hilda Hilst, direção de Ana Hadad, Belo Horizonte – MG, Rio de Janeiro – RJ, Dourados – MS, Campinas – SP.
2000 - "O Manco e a Bêbada", texto e direção de Juarez Guimarães Dias, Belo Horizonte - MG
1999 - "No Limite da Alma", texto e direção de Marco Antônio Cruz, Belo Horizonte - MG
1997 - "Valsa nº 6", texto de Nelson Rodrigues, direção de Juarez Guimarães Dias, Belo Horizonte - MG

CINEMA/ atriz

2017 – “Bandeira de Retalhos”, roteiro e direção de Sérgio Ricardo – Longa-metragem (filmando) – Rio de Janeiro – RJ.
2016 – “BR716”, roteiro e direção de Domingos Oliveira. Longa-metragem . Rio de Janeiro – RJ.
2014 – “Boletim de Ocorrência”, direção de Tomás Portella. Longa-metragem. Rio de Janeiro – RJ.
2009 - "Descrição da Ilha da Saudade", direção de Alyne Fratari. Curta-metragem. Goiânia – GO.
2007 - "Exercício nº 1" - Escola de Cinema Darcy Ribeiro. Curta-metragem, Rio de Janeiro - RJ
2004 - "O Caderno Rosa de Lori Lamby" - Escola de Belas Artes UFMG - supervisão de Rafael Conde. Curta-metragem, Belo Horizonte - MG
1997 - "Josefine e a Outra", direção de Guilherme Fontes. Curta-metragem, Belo Horizonte - MG

TEATRO/ dramaturga
2016 – “Vendaval” coautoria com Junia Pereira – Editora Perspectiva.
2014 – “Ana e Boi” - autora – Editora Sesi British Council.

TEATRO/ direção
2014 – “Mãe”, monólogo, com Franciso Thiago Cavalcanti, inspirado no romance “Querô” de Plínio Marcos – Rio de Janeiro – RJ.
2007 - "E rebanhos, e cardumes, e..." , adaptação de contos de Mora Fuentes, Rio de Janeiro - RJ

              DANÇA
1999 Bailarina Aprovação no Exame do método inglês do Royal Academy of Dancing
1999 Bailarina Festival Anual da Escola de Danças Bárbara Santos
1997 Bailarina Mostra Anual de Danças - Escola de Ballet Victoria Parcus
1997 Bailarina - Festival Nacional de Dança de Nova Friburgo - RJ
1992 a 1996 Bailarina Festival Anual de Danças- Academia Movimentos

PRODUÇÃO
2014 e 2015 – Teatro de Cama, iniciativa teatral, mensal e gratuita, realizada no Morro do Vidigal - Rio de Janeiro, RJ.
2010 – Show “Ponto de Partida”, do compositor e cantor Sergio Ricardo, BNDES, Rio de Janeiro, RJ.
2009 – “6 semanas de amor”, musical de Domingos Oliveira, Rio de Janeiro - RJ.
2009 -  “Show 3D”, direção de Domingos Oliveira, Rio de Janeiro - RJ.
2009 - "Poemas e Canções", direção de Domingos Oliveira, Rio de Janeiro - RJ